O seu carrinho de compras está vazio

Loja

Quantidade: 0

Total: 0,00

0

Grandes Impérios da Antiguidade

Grandes Impérios da Antiguidade

Vários impérios se ergueram e desapareceram ao longo da história.

História

Palavras-chave

Mesopotâmia, Egito, Pérsia, Babilónia, Roma, Império Babilónico, Império Novo do Egito, Império Neoassírio, Império Aqueménida, Império Macedónio, Império Máuria, Római Birodalom, Roma antiga, Índia, Antiguidade, império, conquista, país, Países, soberanos, continentes, história, capital, mapa, fronteira, conhecimento cartográfico, mapa em branco

Itens relacionados

Cenas

Impérios da Antiguidade

Conceitualmente, um império é um estado de grande extensão territorial que inclui numerosos grupos étnicos e países. Geralmente, os impérios são culturalmente diversos.

A maioria dos impérios da história foi estabelecidos através de conquistas (isto é, através do uso da força militar) ou por coação econômica e política. Uma característica comum a estes impérios é o fato de todos terem sido governados por um poder central forte.

Babilônia (século XVIII a.C.)

  • Babilônia - A capital do Império Babilônico. Foi fundada no século XIX a.C., no entanto, acredita-se que um assentamento tenha existido nesse local desde o 4º milénio a.C.
  • Ur
  • Nínive
  • Rio Tigre
  • Rio Eufrates
  • Golfo Pérsico

No século XVIII a.C., Hamurabi estabeleceu um império de curta duração através de conquistas militares. Com a contínua expansão e aplicação de políticas inteligentes, conseguiu unir quase toda a Mesopotâmia durante o seu reinado.

O primeiro império Babilônico teve curta duração, mas foi poderoso e bem organizado, e desmembrou-se após a morte de Hamurabi, principalmente devido à invasão dos hititas e cassitas no século XVI a.C..

Império Novo do Egito (século XV a.C.)

  • Tebas - Conhecido como Uaset no Antigo Egito, foi a capital do Império Novo e Médio do Egito por muito tempo.
  • Mênfis
  • Gizé
  • Mar Mediterrâneo
  • Mar Vermelho
  • Rio Nilo

O período do Império Novo do Egito começou no século XVI a.C. após a expulsão dos hicsos. Este foi o período em que o Egito se tornou um império e Tebas foi novamente elevada a capital.

O anterior e próspero império desagregou-se no século XI a.C. devido a ataques externos e problemas políticos e econômicos internos.

Império Neoassírio (século VII a.C.)

  • Babilônia
  • Tebas
  • Nínive - Previamente designada Ninua em Acádio, foi a capital do Império Neoassírio de 705 a.C. até 612 a.C..
  • Jerusalém
  • Tiro
  • Mar Mediterrâneo
  • Mar Vermelho
  • Rio Nilo
  • Rio Tigre
  • Rio Eufrates
  • Golfo Pérsico

O Império Assírio ganhou novamente domínio no século X a.C.. Graças a reformas e conquistas militares, tornou-se um dos mais importantes impérios do seu tempo.

O Império Neoassírio enfraqueceu devido a problemas internos e externos tendo finalmente se desagregado no século VII a.C. devido ao crescimento do Império Neobabilônico e do Império Meda.

Império Aqueménida (século V a.C.)

  • Susa - Uma das mais antigas cidades da história; foi a capital de Elam e depois a capital de inverno e residência dos soberanos aqueménidas persas.
  • Ecbátana - A capital de verão e residência dos soberanos aqueménidas persas.
  • Persépolis - Conhecida como Pārsa pelos persas antigos, a sua construção começou durante o reinado de Dario I. Funcionou como a capital cerimonial do Império Aqueménida.
  • Pasárgada - As fontes históricas mostram que esta foi uma cidade onde os governantes persas eram coroados. Presumivelmente, foi a primeira capital do Império Aqueménida.
  • Babilônia
  • Mênfis
  • Jerusalém
  • Tiro
  • Mar Mediterrâneo
  • Mar Vermelho
  • Rio Nilo
  • Rio Tigre
  • Rio Eufrates
  • Golfo Pérsico
  • Mar Negro
  • Mar Cáspio
  • Rio Indo

O Império Aquemênida, também conhecido como Primeiro Império Persa, foi estabelecido em paralelo com a queda do Império Meda no século VI a.C.. Este império, governado pela dinastia Aquemênida, tinha uma extensão territorial enorme, composto por vários estados e grupos étnicos.

O império, que tinha um eficiente sistema de administração pública, foi finalmente derrotado por Alexandre o Grande na segunda metade do século IV a.C..

Império Macedónio (século IV a.C.)

  • Pela - Foi fundada por Arquelau I da Macedônia no século V a.C., substituindo Egas como a capital da Macedônia.
  • Babilônia - Alexandre o Grande morreu aqui em 323 a.C.. Ele queria fazer da Babilônia o centro do seu império.
  • Alexandria - Esta cidade, que Alexandre o Grande nomeou em homenagem a si mesmo, era uma das suas favoritas.
  • Susa
  • Persépolis
  • Gordium
  • Jerusalém
  • Tiro
  • Balkh
  • Bucéfala
  • Mênfis
  • Mar Mediterrâneo
  • Mar Vermelho
  • Rio Nilo
  • Rio Tigre
  • Rio Eufrates
  • Golfo Pérsico
  • Mar Negro
  • Mar Cáspio
  • Rio Indo
  • Hidaspes (Jhelum)

O crescimento do Império Macedônio ocorreu no século IV a.C., em particular devido ao seu poderio militar. O seu apogeu foi durante o reinado de Filipe II e do seu filho Alexandre III (Alexandre o Grande). Este estabeleceu um vasto império através de campanhas militares. Alexandre o Grande morreu em 323 a.C. e o seu império despedaçou-se, dando origem aos estados helênicos.

Império Máuria (século III a.C.)

  • Pataliputra - A capital do Império Máuria foi uma das maiores cidades do mundo durante o reinado de Asoka.
  • Pattala
  • Samapa
  • Mar Arábico
  • Golfo de Bengala
  • Rio Ganges
  • Hydaspes (Jhelum)
  • Rio Indo

O Império Máuria, governado pela dinastia Máuria, foi estabelecido no século IV a.C. e atingiu o seu apogeu durante o reinado de Asoka, tendo este sido o primeiro a ter sucesso na unificação de quase todo o subcontinente indiano.

O império estava severamente enfraquecido no início do século II a.C. e o reinado da dinastia Máuria terminou quando o seu último membro foi assassinado.

Império Romano (século II a.C.)

  • Roma - A Cidade Eterna, tal como era chamada, não só era a capital do Império Romano como também o seu centro político, religioso e econômico.
  • Jerusalém
  • Alexandria
  • Tiro
  • Mênfis
  • Atenas
  • Lutécia
  • Londinium
  • Cartago
  • Nova Cartago
  • Kurenai
  • Bizâncio
  • Oceano Atlântico
  • Mar Mediterrâneo
  • Mar Negro

Roma tornou-se um império poderoso e soberano na Bacia do Mediterrâneo, através de séculos de guerras e conquistas. O Império Romano atingiu a sua máxima expansão territorial na virada do século I para o II, durante o reinado de Trajano.

O império foi dividido em dois no final do século IV e as invasões bárbaras levaram finalmente à queda do Império Romano do Ocidente.

Itens relacionados

As províncias e cidades da Roma Antiga

Esta animação apresenta a história da Roma Antiga através dos séculos

O Império Macedônio

O notável imperador e líder militar Alexandre, o Grande, conquistou um vasto império.

A história da migração humana

A migração das grandes populações humanas teve início nos primórdios do tempo.

Edifícios admiráveis

Uma coleção de edifícios extraordinários da história da civilização.

Pirâmides de Gizé (3º milênio a.C.)

A Necrópole de Gizé é a única das maravilhas antigas ainda intacta.

A cidade de Babilônia (século VI a.C.)

A antiga cidade de Babilônia foi construída nas margens do rio Eufrates, na Mesopotâmia.

Armas de cerco dos antigos romanos

Os antigos conquistadores romanos tinham eficientes armas de cerco, usadas no ataque a fortificações.

Código de Hamurabi

O código de Hamurabi é o símbolo da Civilização Mesopotâmica, sendo constituído por 282 leis gravadas numa estela de basalto.

Divindades do Antigo Egito

Os antigos egípcios cultuavam um grande número de deuses e deusas distintos.

Faraó egípcio e sua esposa (II milênio a.C.)

Os Faraós Egípcios eram adorados como deuses, sendo senhores da vida e da morte.

Invenções militares de Arquimedes (século III a.C.)

Arquimedes foi um dos mais brilhantes sábios gregos da Antiguidade, deixando a sua marca na história também com invenções bélicas.

Soldado Macedônio (século IV a.C.)

Os soldados do Antigo Reino da Macedônia eram muito temidos.

Soldado romano (século I a. C.)

Os mercenários do Império Romano eram muito bem treinados e equipados.

Táticas romanas de infantaria

As antigas Legiões Romanas eram mestres em táticas militares.

Zigurate de Ur (3º milênio a.C.)

Os zigurates eram típicas pirâmides com terraços, usadas como templos na Mesopotâmia antiga.

A batalha de Megido

O Faraó Tutméses III derrotou a coalizão rebelde dos Estados vassalos cananeus liderados pelo rei de Cades.

A batalha dos Campos Cataláunicos (451)

O exército romano, liderado por Flávio Aécio, parou a invasão dos hunos liderada pelo rei Átila

Acampamento militar da Roma Antiga

Com a expansão do Império Romano, acampamentos militares foram estabelecidos nos territórios recém-conquistados.

Agricultura do Vale do Nilo no Antigo Egito

O Antigo Egito era chamado de "a jóia do Nilo" porque o rio teve um importante papel no aparecimento da civilização egípcia.

Batalha das Termópilas (480 a.C)

Esta batalha entre Gregos e Persas tornou-se famosa pelo sacrifício heróico dos soldados espartanos.

Batalha de Ácio (31 a.C.)

Na batalha travada nas costas da Antiga Grécia, Octaviano obteve uma vitória decisiva sobre Marco Antônio.

Batalha de Gaugamela (331 a.C.)

A batalha, considerada uma obra de arte tática, resultou na vitória do Alexandre, o Grande sobre a Pérsia.

Batalha de Isso (333 a.C.)

Esta batalha terminou com a vitória esmagadora do exército macedônio de Alexande, o Grande, sobre o exército persa liderado por Dario III.

Batalha de Kadesh (1285 a.C.)

O resultado de uma das maiores batalhas do Antigo Egito continu um mistério.

Cidade de Ur (3º milênio a.C.)

A cidade situada perto do rio Eufrates foi um centro importante na antiga Suméria.

Grandes Impérios da Idade Média

Vários impérios se ergueram e desapareceram ao longo da história.

Guerreiro persa (século V a.C.)

Os arqueiros eram membros temidos do exército persa.

Impérios modernos

Vários impérios se ergueram e desapareceram ao longo da história.

Pedra de Roseta

A pedra de Roseta ajudou a resolver o mistério dos hieroglífos.

Ponte de barcas persa (século V a.C.)

Os reis Dario e Xerxes construíram pontes de barcas no Bósforo, para passagem do exército persa.

Quinquerreme (século III a.C.)

Este barco, com várias fileiras de remos, era o barco típico da Era Helenística.

Torre de cerco da Macedônia (IV século a.C.)

O exército de Alexandre Magno utilizou com sucesso as torres de cerco para tomar as fortificações inimigas.

Veleiro do Antigo Egito

Os veleiros fluviais e marítimos do Antigo Egito contavam com um mastro e remos.

Alésia (França, século I a.C.)

A cidade gaulesa de Alésia, defendida por Vercingetorix, foi cercada pelas forças romanas de Júlio César, em 52 a.C.

Antigo elefante indiano de guerra

Elefantes indianos eram usados ​​como 'tanques' em batalhas.

Arco de Tito (Roma, século I)

Este arco do triunfo foi erigido à entrada do Fórum Romano, para comemorar a vitória do Imperador Tito no Cerco de Jerusalém.

Continentes e oceanos

A terra firme na superfície do nosso planeta está dividida em continentes, por sua vez separados por oceanos.

Invenções da Mesopotâmia (3º milênio a.C.)

Estas invenções, revolucionárias até na sua simplicidade, são ainda hoje utilizadas.

Maravilhas do Mundo Antigo

As Pirâmides de Gizé são a única maravilha do Mundo Antigo ainda hoje intacta.

Monarca persa (século V a.C.)

Os monarcas da antiga Pérsia eram famosos pela sua riqueza e pelo tamanho do seu império.

O Palácio de Diocleciano (Split, Croácia)

Por ordem do Imperador Romano Diocleciano, o palácio que era semelhante a uma fortaleza foi construído na costa, perto da sua cidade natal.

Soldado de Constantino (século IV)

A prosperidade da parte oriental do império romano teve início no século IV, durante o reinado do imperador Constantino.

Tumba de Tutancâmon (século XIV a.C.)

A descoberta da tumba do faraó egípcio foi uma das maiores descobertas arqueológicas do século XX.

Added to your cart.