O teu carrinho de compras está vazio

Loja

Quantidade: 0

Total: 0,00

0

Efemérida de cauda longa

Efemérida de cauda longa

As larvas das efeméridas passam os primeiros três anos da sua vida na água. A fase adulta dura apenas dois dias e o seu único objetivo é o acasalamento.

Biologia

Palavras-chave

efémero, Tisza, enxameação, efêmero, ontogenia, ovo, larva, imago, transformação, mandíbula, acasalamento, ninfa, subimago, animal, artrópodes, insetos, artrópode, inseto, biologia

Extras relacionados

Cenas

Incubação

Efemérida de cauda longa

Fases de desenvolvimento

  • ovo - As fêmeas põem os ovos na água onde se transformam em larvas.
  • larva - Vivem na água durante 3 anos. As fêmeas transformam-se em imagos, enquanto os machos se transformam em subimagos semelhantes aos imagos, mas que mudam de pele mais uma vez antes de alcançar a maturidade sexual.
  • imago (adulto) - Após a incubação vive aproximadamente um dia. Os machos morrem após o acasalamento, enquanto as fêmeas morrem após porem os ovos.

Larva

  • mandíbulas mastigadoras - As larvas são predadores, têm mandíbulas mastigadoras.
  • brânquia traqueal - É utilizada para respirar dentro de água.
  • cercos caudais

Imago

  • um par de antenas
  • olhos compostos - As efeméridas têm um par de olhos compostos e três olhos simples.
  • mandíbulas vestigiais - Apenas as larvas comem. O sistema digestivo dos imagos está cheio de ar que reduz a densidade do seu corpo, ajudando-os assim a voar.
  • dois pares de asas membranosas
  • cercos caudais

Animação

Narração

As efeméridas são um dos mais antigos tipos de insetos alados. São insetos aquáticos e podem ser encontradas em rios e lagos. Os adultos chamados imagos, vivem apenas um dia após o acasalamento. Durante a sua curta vida adulta, voam e dançam em redor uns dos outros, em grandes grupos, para encontrar um par.

As fêmeas põem os ovos na água onde se transformam em larvas, também chamadas ninfas. As larvas da efemérida são predadores e passam os primeiros 3 anos das suas vidas na água. Transformam-se em adultos alados ao mudar a pele.

As larvas fêmeas transformam-se em imagos maduros, enquanto os machos se transformam em subimagos por metamorfose que requerem mais uma mudança de pele antes de alcançar a maturidade sexual.

Como o objetivo principal dos imagos é a reprodução, eles não comem, têm mandíbulas vestigiais e o seu sistema digestivo está cheio de ar. Isto reduz a densidade do seu corpo e ajuda-os a voar. Os machos morrem após o acasalamento, enquanto as fêmeas morrem após de pôr os ovos.

Extras relacionados

Reprodução e desenvolvimento dos insetos

De acordo com o seu ciclo de vida, os insetos podem sofrer três tipos de metamorfose: ametabolia, hemimetabolia ou holometabolia.

Besouro (Melolonta)

O besouro (ou melolonta) é um inseto bastante comum na Europa, cujas larvas são consideradas uma praga.

A diversidade dos órgãos fotodetetores

No decurso da evolução, desenvolveram-se vários diferentes tipos de olhos, de forma independente uns dos outros.

Abelha

As abelhas produzem o mel, uma substância doce e nutritiva.

Borboleta branca da couve

A borboleta branca da couve é uma espécie de borboleta comum através da qual ilustramos a anatomia das borboletas.

Formiga-vermelha

Numa colónia de formigas encontramos a rainha, os machos e as obreiras.

Rã-comum

Esta animação apresenta a anatomia dos anfíbios através do exemplo de uma espécie comum de rãs.

Vaca-loura

Através do exemplo da vaca-loura mostraremos as funções dos músculos dos insetos, a técnica de voo e como se reproduzem.

Aranha de jardim

Esta animação mostra a anatomia das aranhas através do exemplo de uma espécie comum europeia.

Lagostim de água doce

Tipo de lagostim de grandes dimensões que vive em água doce, na Europa.

Seda de aranha, teia de aranha

Se bem que a densidade da seda de aranha seja inferior à dos filamentos de nylon, a sua resistência à tracção é superior à do aço.

Tarântula de joelhos vermelhos mexicana

Uma das mais conhecidas espécies de aranhas, muitas vezes mantidas como animais de estimação. A sua mordedura não é fatal para o ser humano.

Caracol-romano

Espécie de caracol muito comum, popular como alimento.

Esponja

São o mais antigo grupo de animais. Vivem debaixo de água e não possuem verdadeiros tecidos ou simetria de corpo.

Medusa

Animais marinhos pertencentes ao filo dos cnidários, o mais antigo grupo de animais Eumetazoários.

Planaria gonocephala

É o tipo mais comum de vermes achatados.

Added to your cart.