O teu carrinho de compras está vazio

Loja

Quantidade: 0

Total: 0,00

0

Catedral de Alexandre Nevsky (Sófia, século XX)

Catedral de Alexandre Nevsky (Sófia, século XX)

Construída em estilo neo-bizantino, esta catedral ortodoxa é um dos símbolos da capital búlgara.

Artes visuais

Palavras-chave

Alexandre Nevsky, Alexander Pomerantsev, neo-bizantino, catedral, ortodoxo, templo, bizantino, Anton Mitov, arquitetura, construção, Sófia, Bulgária, igreja, religião, símbolo, cúpula, santo, santo patrono, torre do sino, ícone, Os Balcãs, Península Balcánica, búlgaro, século XX

Extras relacionados

Cenas

Catedral ortodoxa

  • entrada principal
  • campanário
  • cúpula em cruz
  • cúpula central
  • estilo neo-bizantino

Estilo neo-bizantino

  • campanário
  • cúpula em cruz
  • cúpula central
  • tambor
  • semi-cúpula
  • sistema complexo de cúpulas
  • janelas em arco

Entrada principal

  • placas de mármore
  • portas de carvalho
  • base de granito (1,4 m)

Campanário

  • cruz (2,5 m)
  • cúpula em talha dourada
  • sinos
  • mosaicos

Basílica com cúpula em cruz

  • semi-cúpula
  • nave central
  • campanário
  • cúpula central

Cúpula central

  • placas de ouro

Narração

A Catedral de Alexandre Nevsky é um dos mais famosos símbolos de Sófia, a capital da Bulgária. Funciona como catedral patriarcal da Igreja Ortodoxa Búlgara desde 1953. A catedral foi consagrada ao Santo Alexandre Nevsky, patrono do exército russo na guerra russo-turca de 1877-1878.

A primeira pedra foi colocada em 19 de fevereiro de 1882. Existem dois textos enterrados junto das fundações da igreja, que imortalizam os eventos da guerra. A catedral foi erigida apenas com doações do povo da Bulgária. A construção ficou completa em 1912, mas devido às guerras e às perturbações políticas vigentes, foi apenas oficialmente consagrada em 1924.

A catedral foi desenhada pelo arquiteto russo Alexander Pomerantsev. É uma basílica de cinco naves, com uma cúpula cruzada, em estilo neo-bizantino. Os seus elementos estruturais mais característicos são a cúpula cruzada, o complexo sistema de cúpulas e a torre do sino.

Com o seu tamanho e ornamentação impressionantes, a catedral rivaliza com os mais famosos locais de culto deste tipo do mundo. Tem 72 m de comprimento, 55 m de largura, 53 m de altura e uma área de 3170 m². A igreja pode receber até 5.000 pessoas e ser acedida por 11 portas. Por cima da entrada principal fica a torre do sino, que termina numa cúpula. O peso total dos 12 sinos é de aproximadamente 25 toneladas. Cerca de 700 m² do total da superfície da cúpula da catedral são pintados a ouro.

A fachada, arcos e frisos estão decorados com ornamentos em pedra com motivos proto-búlgaros. A sua construção é da responsabilidade de uma equipa de construtores e profissionais búlgaros, russos, alemães, austríacos, checos e italianos.

A igreja alberga mais de 400 peças de arte cristã: ícones, frescos e mosaicos. Só a abóbada da nave central está coberta por 412 m² de frescos. As decorações interiores são feitas de ónix, mármore e alabastro de todo o mundo. Os mosaicos, desenhados por Anton Mitov, foram criados em Itália.

Os ícones foram produzidos por artistas russos e búlgaros. Conjuntamente com os santos búlgaros, as paredes da catedral estão também pintadas com imagens de outros czares e santos russos, sérvios e eslavos. A cripta da igreja, inicialmente destinada a servir como panteão para búlgaros ilustres, foi reconstruída num museu de ícones búlgaros.

Extras relacionados

Monte Rushmore (EUA)

As esculturas do Memorial Nacional do Monte Rushmore, esculpidas em penhascos de granito,...

Catedral de São Basílio (Moscovo, século XVI)

Consagrada a São Basílio, a catedral foi mandada construir por Ivan, o Terrível.

A arquitetura Bauhaus

A arquitetura Bauhaus criou edifícios simples mas únicos.

Casa Rietveld Schröder (Utrecht, 1924)

Localizada na cidade de Utrecht, na Holanda, a Casa Rietveld Schröder pode ser...

Capela de Notre-Dame-du-Haut (Ronchamp, França, 1950)

Capela de peregrinação concebida pelo arquiteto francês Le Corbusier, um dos mais...

Vestuário na Europa Ocidental (Anos 60)

O vestuário reflete o estilo de vida e a cultura dos habitantes de uma determinada região...

Vestuário na Europa Ocidental (Anos 80)

O vestuário reflete o estilo de vida e a cultura dos habitantes de uma determinada região...

Arquitetura Arte Nova (Szeged, Hungria)

Um dos mais belos edifícios Arte Nova na Hungria

Added to your cart.