O teu carrinho de compras está vazio

Loja

Quantidade: 0

Total: 0,00

0

Anatomia da medula espinhal

Anatomia da medula espinhal

A medula espinhal é a parte do sistema nervoso central que está localizada no interior da coluna vertebral e a partir da qual se ramificam os nervos espinhais.

Biologia

Palavras-chave

medula espinhal, sistema nervoso, hérnia de disco, nervo espinal, matéria cinzenta, substância branca, canal espinhal, motoneuron, gânglio, coluna vertebral, vértebra, vértebra cervical, vértebra torácica, vértebra lombar, cérebro, nervo craniano, meninge, neurónio, reflexo, fluido cerebrospinal, aracnoideia, punção lombar, nervo, humano, biologia

Extras relacionados

Cenas

Medula espinhal

  • raiz anterior - É constituída por fibras motoras emergentes do corno anterior da medula espinhal.
  • raiz posterior - É constituída por fibras sensoriais que entram no corno posterior da medula espinhal.
  • gânglio da raiz dorsal - Contém os corpos celulares dos neurónios sensoriais. Os axónios dos neurónios sensoriais, chamados fibras sensoriais, entram na substância cinzenta da medula espinhal através da raiz posterior.
  • corno anterior da substância cinzenta - Contém os corpos celulares dos neurónios motores. Os axónios dos neurónios motores, ou seja, as fibras motoras, emergem da medula espinhal através da raiz anterior.
  • corno posterior da substância cinzenta - Aqui entram os axónios dos neurónios sensoriais, ou seja as fibras sensoriais, através da raiz posterior.
  • substância branca - Os corpos celulares dos neurónios encontram-se na substância cinzenta, enquanto as fibras nervosas constituem os tratos na substância branca. Os tratos ascendentes que conduzem impulsos para o cérebro contêm fibras sensoriais, enquanto as secções que descendem a partir do cérebro contêm fibras motoras. A cor da matéria branca é devida à bainha de mielina que recobre as fibras nervosas.
  • canal espinhal - Está cheio de fluido cérebro-espinhal. A sua continuação é o sistema ventricular do cérebro.

Medula espinhal e nervos

  • 8 pares de nervos
  • 12 pares de nervos torácicos
  • 5 pares de nervos lombares
  • 5 pares de nervos sacrais
  • 1 par de nervos coccígeno
  • medula espinhal
  • cauda equina - A medula espinhal termina na região lombar da coluna vertebral. A cauda equina é um feixe de fibras nervosas descendentes.

Localização da medula espinhal

  • vértebra - A medula espinhal é protegida pelas vértebras. Os nervos emergem acima dos processos transversos das vértebras.
  • disco intervertebral - Garante a flexibilidade da coluna vertebral.
  • medula espinhal - Consiste de uma parte exterior de matéria branca e uma parte interior de matéria cinzenta, que tem a forma de uma borboleta, constituída pelos corpos de células nervosas.
  • pia-máter - É a meninge interna que protege o cérebro e a medula espinhal.
  • nervo espinhal - Os 31 pares de nervos espinhais são nervos misturados que têm fibras tanto motoras como sensoriais. Os feixes de fibras nervosas que se encontram fora do sistema nervoso central (cérebro e medula espinhal) são chamados de nervos, enquanto os grupos de axónios no interior do sistema nervoso central são denominados secções.
  • aracnoideia - É uma membrana fina que tem uma estrutura semelhante a uma teia de aranha. É constituída por tecido fibroso e contém o fluido cérebro-espinhal. Este fluido fornece uma proteção mecânica para o sistema nervoso central e diminui os efeitos da gravidade,reduzindo o peso efetivo do cérebro.
  • dura-máter - A camada exterior de tecido conectivo fibroso das meninges que envolve a totalidade do cérebro e da medula espinhal.

Hérnia de disco

  • anel fibroso - Em caso de lesão, o núcleo pulposo sobressai. Com o avançar da idade, o anel perde a sua elasticidade e torna-se mais vulnerável, aumentando o risco de hérnia de disco.
  • núcleo pulposo - A hérnia pode pressionar o nervo espinhal ou a própria medula espinhal, causando dor, dormência, sensação de formigamento, distúrbios autonómicos e do pensamento, eproblemas de incontinência fecal ou urinária. A hérnia de disco pode ser tratada com exercícios físicos, uso de um espartilho médico ou com uma cirurgia.
  • nervo espinhal

Sistema nervoso

  • cérebro
  • medula espinhal - O cérebro e a medula espinhal formam o sistema nervoso. Os 31 pares de nervos espinhais emergem a partir da medula espinhal.
  • nervos cranianos
  • nervos espinhais - O sistema nervoso periférico é composto por 31 pares de nervos espinhais e 12 pares de nervos cranianos. Os nervos espinhais são nervos mistos de fibras motoras e fibras sensoriais.

Animação

  • cérebro
  • medula espinhal - O cérebro e a medula espinhal formam o sistema nervoso. Os 31 pares de nervos espinhais emergem a partir da medula espinhal.
  • nervos cranianos
  • nervos espinhais - O sistema nervoso periférico é composto por 31 pares de nervos espinhais e 12 pares de nervos cranianos. Os nervos espinhais são nervos mistos de fibras motoras e fibras sensoriais.
  • 8 pares de nervos
  • 12 pares de nervos torácicos
  • 5 pares de nervos lombares
  • 5 pares de nervos sacrais
  • 1 par de nervos coccígeno
  • medula espinhal
  • cauda equina - A medula espinhal termina na região lombar da coluna vertebral. A cauda equina é um feixe de fibras nervosas descendentes.
  • vértebra - A medula espinhal é protegida pelas vértebras. Os nervos emergem acima dos processos transversos das vértebras.
  • disco intervertebral - Garante a flexibilidade da coluna vertebral.
  • medula espinhal - Consiste de uma parte exterior de matéria branca e uma parte interior de matéria cinzenta, que tem a forma de uma borboleta, constituída pelos corpos de células nervosas.
  • pia-máter - É a meninge interna que protege o cérebro e a medula espinhal.
  • nervo espinhal - Os 31 pares de nervos espinhais são nervos misturados que têm fibras tanto motoras como sensoriais. Os feixes de fibras nervosas que se encontram fora do sistema nervoso central (cérebro e medula espinhal) são chamados de nervos, enquanto os grupos de axónios no interior do sistema nervoso central são denominados secções.
  • aracnoideia - É uma membrana fina que tem uma estrutura semelhante a uma teia de aranha. É constituída por tecido fibroso e contém o fluido cérebro-espinhal. Este fluido fornece uma proteção mecânica para o sistema nervoso central e diminui os efeitos da gravidade,reduzindo o peso efetivo do cérebro.
  • dura-máter - A camada exterior de tecido conectivo fibroso das meninges que envolve a totalidade do cérebro e da medula espinhal.
  • raiz anterior - É constituída por fibras motoras emergentes do corno anterior da medula espinhal.
  • raiz posterior - É constituída por fibras sensoriais que entram no corno posterior da medula espinhal.
  • gânglio da raiz dorsal - Contém os corpos celulares dos neurónios sensoriais. Os axónios dos neurónios sensoriais, chamados fibras sensoriais, entram na substância cinzenta da medula espinhal através da raiz posterior.
  • corno anterior da substância cinzenta - Contém os corpos celulares dos neurónios motores. Os axónios dos neurónios motores, ou seja, as fibras motoras, emergem da medula espinhal através da raiz anterior.
  • corno posterior da substância cinzenta - Aqui entram os axónios dos neurónios sensoriais, ou seja as fibras sensoriais, através da raiz posterior.
  • substância branca - Os corpos celulares dos neurónios encontram-se na substância cinzenta, enquanto as fibras nervosas constituem os tratos na substância branca. Os tratos ascendentes que conduzem impulsos para o cérebro contêm fibras sensoriais, enquanto as secções que descendem a partir do cérebro contêm fibras motoras. A cor da matéria branca é devida à bainha de mielina que recobre as fibras nervosas.
  • canal espinhal - Está cheio de fluido cérebro-espinhal. A sua continuação é o sistema ventricular do cérebro.
  • anel fibroso - Em caso de lesão, o núcleo pulposo sobressai. Com o avançar da idade, o anel perde a sua elasticidade e torna-se mais vulnerável, aumentando o risco de hérnia de disco.
  • núcleo pulposo - A hérnia pode pressionar o nervo espinhal ou a própria medula espinhal, causando dor, dormência, sensação de formigamento, distúrbios autonómicos e do pensamento, eproblemas de incontinência fecal ou urinária. A hérnia de disco pode ser tratada com exercícios físicos, uso de um espartilho médico ou com uma cirurgia.
  • nervo espinhal

Narração

O sistema nervoso é formado por duas partes: o sistema nervoso central e o sistema nervoso periférico. O sistema nervoso central é constituído pelo cérebro e pela medula espinhal. O sistema nervoso periférico é composto por 12 pares de nervos cranianos e 31 pares de nervos espinhais.

8 pares de nervos emergem da medula espinhal na região cervical, seguidos por 12 pares de nervos torácicos, 5 pares de nervos lombares, 5 pares de nervos sacrais e 1 par de nervos coccígeos. A medula espinhal termina na região lombar da coluna vertebral. A cauda equina é um feixe de fibras nervosas descendentes.

Os nervos espinhais transmitem a informação entre o sistema nervoso central e outras partes do corpo. A medula espinhal é a sede de vários centros de reflexos, como o reflexo patelar, e contém fibras nervosas que descendem a partir do cérebro e fibras nervosas ascendentes que sobem para o cérebro.

A medula espinhal é protegida pelas vértebras: Os nervos emergem acima do processo transverso das vértebras. O tecido elástico do disco garante a flexibilidade da coluna vertebral. A medula espinhal e o cérebro, são protegidos por três membranas chamadas meninges: Dura-máter (a mais externa), aracnoideia (a do meio) e pia-máter (a mais interna). A aracnoideia é uma membrana fina que tem uma estrutura semelhante a uma teia de aranha. É constituída por tecido fibroso e contém o fluido cérebro-espinhal. Este fluido fornece uma proteção mecânica para o sistema nervoso central e diminui os efeitos da gravidade, reduzindo o peso efetivo do cérebro.

A medula espinhal consiste de uma parte exterior feita de matéria branca e uma parte interior de matéria cinzenta, que tem a forma de uma borboleta e é constituida pelos corpos de células nervosas. As fibras nervosas constituem os tratos na matéria branca. Os tratos ascendentes que conduzem impulsos a partir do corpo para o cérebro contêm fibras sensoriais, enquanto os tratos descendentes contêm fibras motoras e têm origem no cérebro.

A cor da matéria branca é devida à bainha de mielina que envolve as fibras nervosas. O corno anterior da substância cinzenta contém os corpos celulares dos neurónios motores. Os axónios dos neurónios motores, ou seja, as fibras motoras, emergem da medula espinhal através da raiz anterior. As fibras sensoriais entram no corno posterior da substância cinzenta através da raiz posterior. O canal espinhal é preenchido com fluido cérebro-espinhal e o sistema ventricular do cérebro representa a sua extensão.

Os discos intervertebrais são feitos de duas partes principais: o anel fibroso e o núcleo pulposo. Com o avançar da idade, os anéis fibrosos perdem a flexibilidade e tornam-se vulneráveis, aumentando assim o risco de hérnia de disco. A hérnia de disco pode pressionar o nervo espinhal ou a própria medula espinhal, causando dor, dormência, sensação de formigamento, distúrbios autonómicos e do pensamento, e problemas de incontinência fecal ou urinária. A hérnia de disco pode ser tratada com exercícios físicos, uso de um espartilho médico ou com uma cirurgia.

Extras relacionados

Reflexo flexor (Nociceptivo)

O reflexo flexor assegura que a fonte de dor seja evitada.

Reflexo patelar

O reflexo provocado pelo alongamento do músculo extensor é chamado reflexo patelar.

Cérebro humano

As principais partes do cérebro humano são o tronco cerebral, o cerebelo, o mesencéfalo e o telencéfalo.

Partes do cérebro humano

As principais partes do cérebro humano são o tronco cerebral, o cerebelo, o disencéfalo e os lobulos.

Sistema nervoso

O sistema nervoso central é composto pelo cérebro e a espinal medula, e o sistema nervoso periférico é composto pelos nervos e os gânglios.

Articulação do joelho

A articulação do joelho é composta pelo fémur, pela tíbia e pela rótula.

As glândulas adrenais

As glândulas adrenais são responsáveis pela manutenção da homeostase e produção de uma resposta rápida aos estados de estresse.

Corpo humano (masculino)

Esta animação apresenta os mais importantes sistemas do corpo humano.

Ligações ósseas

Os ossos humanos estão unidos por suturas, articulações cartilaginosas e articulações sinoviais, ou podem fundir-se entre si.

O ciclo de vida dos vertebrados

O ciclo de vida dos vertebrados é constituído por fases que abrangem o período desde a formação das células reprodutivas de um indivíduo até à formação das...

O coração

O coração é a bomba central do sistema cardiovascular, que bate milhares de milhões de vezes ao longo da nossa vida.

O crânio e a coluna

As duas partes principais do sistema nervoso central são o cérebro e a espinal medula, protegidos respetivamente pelo crânio e pela coluna vertebral.

O ouvido e o aparelho auditivo

O nosso órgão auditivo converte as vibrações do ar em sinais elétricos, processados depois pelo cérebro.

Organização da área cortical da fala

Falar requer a operação sincronizada de vários centros corticais.

Os neurónios e o tecido nervoso

Os neurónios são células especializadas em transmitir sinais eléctricos.

Ossos dos membros inferiores

Os ossos dos membros inferiores formam a cintura pélvica e as pernas.

Ossos dos membros superiores

Os ossos dos membros superiores formam a cintura escapular e os braços.

Problemas de saúde relacionados com a coluna vertebral

A escoliose é um problema de saúde em que a coluna vertebral de uma pessoa sofre de um esvio lateral.

Sistema circulatório

A circulação sistémica transporta sangue oxigenado do coração para o corpo, enquanto a circulação pulmonar transporta sangue oxigenado dos pulmões para o...

Sistema ventricular e principais núcleos da base

Esta animação mostra a estrutura interna do cérebro.

Tecidos musculares

Os três tipos de músculos do corpo humano são o liso, o estriado e o cardíaco.

Transdução de sinal

Os neurónios transmitem sinais elétricos através de sinapses químicas e elétricas.

Evolução cerebral dos vertebrados

Durante a evolução dos vertebrados, ocorreram alterações no desenvolvimento relativo de algumas zonas do cérebro.

Added to your cart.